sexta-feira, 15 de março de 2013

Repetições


Se você observar a vida que está tendo hoje, perceberá que é uma repetição do seu passado.
Em algum momento lá traz, você criou o teu momento atual.
Dor, prazer, amor, perdas, relacionamentos, sucesso, fracasso, tudo você criou, tudo, mas tudo mesmo.
É hora de deixar de lado a espera de um milagre, mudar suas atitudes e assumir a responsabilidade dos seus pensamentos.
Não é possível mudar o passado, mas é possível mudar a forma com que você se conduz pela vida.
Se você mudar um milímetro só em direção ao seu interior, todo seu presente se transformará.
No mito de Narciso, nos foi dito que ele se apaixonou pela própria imagem refletida no lago e se afogou quando se arremessou lago adentro.
Na verdade o que nos está sendo dito é que ele se apaixonou pelo mundo externo, o mundo da dependência, da ilusão, esquecendo-se de quem ele era.
Isso também significa que somos treinados para viver na culpa e medo, ficando cada vez mais dependente do exterior, afastados do nosso amor próprio.
Se no seu presente está acontecendo sempre ás mesmas coisas é porque você está focado só no que acontece fora de você.
Dê-se uma chance e observe-se por dentro, saiba onde residem suas culpas e perdoe-se por tudo o que você ainda se condena.
Permita-se ficar livre deste passado que você vem repetindo e crie o futuro que você passará a sonhar agora.
Sem sonho não haverá vida diferente para você, somente mais uma repetição do seu passado...
Muito sonho e luz, Zé Reynaldo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário